O primeiro semestre de 2019 reserva aos empresários contábeis e seus colaboradores um período de escrituração e entrega de declarações acessórias e relatórios que consomem uma grande quantidade de tempo e esforço.

As entregas proporcionam algumas oportunidades que são raras no dia a dia das empresas contábeis, a maior delas é uma proximidade ímpar de dividir uma mesa com os seus clientes, principalmente com os empresários e empreendedores que compõem a carteira.

A entrega do balanço para as empresas de porte mais robusto, a DASN-SIMEI para os empreendedores com negócios mais incipientes, o IRPF para os empresários e gestores das empresas que compõem a base; são momentos que possibilitam uma conversa mais próxima. Essa proximidade tem de ser aproveitada da melhor forma possível!

Muitas Empresas Contábeis aproveitam os eventos do primeiro semestre para reajustar seus honorários, negociar as dívidas dentro da carteira, reajustar a maneira como recebem dos clientes, ou seja, trâmites tradicionais de quem lida com uma carteira que contribui mensalmente para as finanças da empresa.  Os ajustes e conversações tradicionais são importantes e devem ser mantidos, contudo, outro assunto deve ser a pauta das Empresas Contábeis: Como aproveitar a proximidade com meu cliente para entregar valor e vender novos serviços?

Dicas para entregar valor em 2019

1. Os Microempreendedores individuais precisam falar sobre o futuro dos seus negócios

O MEI é um empresário incipiente em seu trabalho e que geralmente tem pouca educação financeira. Aproveite o momento de entregar o IRPF ou a DASN-SIMEI para falar do futuro do negócio dele e oferecer uma consultoria em desenvolvimento do negócio, ajude-o em um crescimento organizado.  

2. As empresas de maior porte precisam falar sobre aumento de receitas e corte de custos

O momento econômico brasileiro tende a mudar com a recente mudança política. Muitas empresas precisam terminar o processo de inflexão que foi causado pela crise para retomar o crescimento. Além do balanço tradicional, entregue uma análise financeira apontando os pontos de melhoria para que a empresa volte a crescer.

3. Ao reajustar os honorários, reajuste o acordo de serviços

O momento de reajustar pode ser utilizado para incentivar o cliente na aquisição e/ou utilização de tecnologias que facilitem o trabalho contábil. Ofereça descontos e serviços diferenciados para os clientes que entregam as informações de maneira mais rápida e menos onerosa.

4. Aproveite o período para vender novos serviços

BPO Financeiro, terceirização de processos, treinamentos. Você deve ter vontade de disponibilizar tudo isso e precisa falar com os seus clientes para testar a sua capacidade de oferecer essa nova cartilha em alguns deles, não é? Eles estarão na sua frente! Fale dos seus novos serviços para eles e teste seu discurso de vendedor.

Esse artigo foi útil para você? Deixe o seu comentário!

OUTROS POSTS

6 erros frequentes na EFD Contribuições

Postado em 4 de dezembro de 2018

Fechamento de balanço patrimonial: tudo o que precisa saber

Postado em 22 de novembro de 2018

Como implementar a contabilidade consultiva na sua empresa

Postado em 13 de novembro de 2018

Por que só se fala em contabilidade consultiva?

Postado em 23 de outubro de 2018

COMENTÁRIOS

Existem 0 comente este post.

ADICIONE UM COMENTÁRIO